Lá e cá!

Recebi mensagem de um amigo português, reproduzindo crônica de autor conterrâneo… dele. Miguel de Sousa Tavares é o nome do gajo. Já li dele um romance: Equador. O texto que segue, aparentemente, é uma crônica, publicada não sei onde. O amigo que a enviou para mim não citou as fontes. Por isso destaquei logo o […]