Impressões

 

Protocolar. Este é o adjetivo! Resposta, atitude, mensagem, texto, reação, etc. Isso se dá quando, na falta de alguma coisa mais “efetiva” ou “concreta” e, mesmo, quando se quer “tirar o seu da reta” (Evoé coloquialismos!). Quando li a manifestação do estudante de Letras da PUC-MG (um “filho da puc”, como eu!) fiquei um tanto gratificado. O mesmo não posso dizer hoje, quando leio a resposta “oficial” da instituição que alardeia ser a melhor universidade particular do país. Longe de mim questionar tal título ou, mesmo, colocar em dúvida o seu mérito. No entanto, não consigo conter a pulsação da “preguiça” ao contrapor o texto do estudante (sincero, cheio de verdade e transparente) ao do “secretário”… protocolar. Se não, vejamos… De novo, em vermelho, as minhas intromissões e chatices…

“A PUC Minas, diante da manifestação do leitor (a instituição não se digna reconhecer o “leitor” como parte de sua “comunidade” acadêmica, generaliza, na tentativa de “diminuir” o “valor” de suas assertivas) Luiz Fernando de Andrada Pacheco (Opinião, 12/6/2012), vem informar (“informação” é substantivo que deixa o discurso bem distanciado do comprometimento de quem o exara, denota certa arrogância, deixando leitor a par de sua indiferença ao que possa estar subliminar no discurso que provocou a “informação) que o curso de bacharelado em letras oferecido pela universidade obteve nota máxima na avaliação realizada pelo Ministério da Educação no 2º. semestre de 2011. (Qual o significado e o “valor” efetivos desta “pontuação”. Que critérios basearam a soma final? Que estratégias foram executadas para alcançar esta pontuação?) Essa avaliação, efetivada por comissão externa de especialistas da área (Esta expressão não poderia ser mais generalizada e corporativista. É como se, além desta “área de especialização” ninguém, na face da terra, fosse “capaz” de fazer a mesma avaliação, com igual competência e acuidade!) atesta a excelência acadêmica do curso, cujo projeto pedagógico se constrói em absoluta consonância com os estudos contemporâneos do campo da linguagem (Outra generalização conveniente. Isso quer dizer que qualquer traço de “tradição”, numa chave histórica, deve ser deixada de lado. “Contemporâneo” é adjetivo capcioso que remete sempre à “absoluta relatividade” discursiva dependente de “quem” fala e “quando” fala!) e as reais demandas da sociedade (“Reais”? Poucas lições de Latim poderiam colaborar para evitar a idiossincrasia de tal afirmativa. Idiossincrasia tendenciosa, dado que tomar como pressuposto uma convenção discursiva pode ser estratégia discursiva para encobrir a especificidade de atitudes que têm efeito direto e efetivo sobre o “comum”. Quem pode afirmar com absoluta dade” quais são as “demandas sociais”?) “autor para a atuação dos profissionais do texto.”(Por fim, “profissionais do texto” pode ser lido como outra estratégia de generalização que busca tornar simples e automático o que é, de fato,complexo e muito peculiar!)

Mozahir Salomão Bruck

Secretário de Comunicação da PUC Minas

Publicado em Sem categoria

2 comentários em “Impressões

  1. Você esperava outra coisa? Como a PUC é uma universidade paga, provavelmente o aluno não será execrado, porque “cliente”. E para manter a ‘clientela’, as universidades apresentam avaliações do MEC como referência. O problema é o modo como tais avaliações são conduzidas, porque, afinal, as PUCs e demais universidades privadas – verdadeiros mercados persas do conhecimento, nos dias atuais – também são ‘clientes’ e todos conhecemos a cultura de clientelismo instalada no poder público brasileiro. Fácil de entender tal matemática, não acha? Lamentavelmente, a PUC do seu tempo era um outra coisa, tinha uma configuração completamente diferente… Beijinhos, Angela
    http://noticiasdacozinha.blogspot.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s