Para LET873 – 3

Machado de Assis (Roberta da Costa de Sousa) O autor que desenvolve esse estilo na literatura brasileira é Machado de Assis. Inicialmente, Machado escreveu romances românticos tradicionais, como Helena e Iaiá Garcia. A ruptura se dá com Memórias Póstumas de Brás Cubas (1881), no qual o narrador em primeira pessoa, autobiográfico, não é um “autor […]

Para LET874 – 3

  “O conceito de vanguarda sempre esteve associado ao de ruptura com a tradição, compreendida como repertório de formas históricas superadas pela evolução tecnológica e pelo sentimento de mundo das novas gerações. O entusiasmo pela sociedade urbana e industrial, pelas máquinas, pela velocidade e pelos novos meios de comunicação e de transporte, nas primeiras décadas […]

Para LET873 – 2

  O Realismo se tingirá de naturalismo, no romance e no conto, sempre que fizer personagens e enredos submeterem-se ao destino cego das “leis naturais” que a ciência da época julgava ter codificado; ou se dirá parnasiano, na poesia, à medida que se esgotar no lavor do verso tecnicamente perfeito. Tentando abraçar de um só […]

Para LET874 – 2

Para hoje, o etxto de base foi retirado de outro blogue (http://auladeliteraturaportuguesa.blogspot.com.br/2009/07/questao-coimbra.html).  O texto trata da cébere questão Coimbrã. 09/07/2009 A Questão Coimbrã O primeiro sinal da renovação literária e ideológica que acabámos de indicar foi dado na Questão Coimbrã, onde se defrontaram os defensores do statu quo literário e um grupo de jovens escritores […]

Para LET873 – 1

Pois bem. Segue abaixo o texto sobre o qual vocês vão comentar. Trata-se de um texto de Olavo Bilac. O comentário deve se desenvolver a partir da seguinte proposição: O posicionamento de Olavo Bilac é contrário à contribuição romântica para a Literatura Brasileira? Se sim ou se não, como VOCÊ vê a relação do que […]