São Tomé

Ando numa maré de quase absoluta desconfiança. O substantivo – com três acepções, aparecido no século XV, segundo o Houaiss – significa disposição de espírito que leva as pessoas a não fiar nos outros; falta de confiança; característica do que está agastado; agastamento, desagrado, zanga; falta de esperança. Penso que não é preciso acrescentar mais nada. Assim, […]

Quebra

Não vou seguir o protocolo por mim mesmo determinado. Não vou fazer o comentário das cartas que havia previsto. Não vou dar (hoje) continuidade… Recebi mensagem de uma prima com um texto que responde a suposto comentário feito por Luiz Fernando Verissimo acerca das manifestações do último ia 16. Eu queria ir até Belo Horizonte. […]

Comportamento

Noivos. Mais de dois anos. Encontros periódicos e apaixonados, sonhos e projetos. Noivos, definitivamente noivos. Enxoval completo comprado com despesas divididas. Assim também o apartamento, o buffet para a festa de casamento. Na Igreja da paróquia do bairro em que ela mora, os proclamas já corriam – ou os “banhos” como já ouvi dizer que […]

Lá e cá!

Recebi mensagem de um amigo português, reproduzindo crônica de autor conterrâneo… dele. Miguel de Sousa Tavares é o nome do gajo. Já li dele um romance: Equador. O texto que segue, aparentemente, é uma crônica, publicada não sei onde. O amigo que a enviou para mim não citou as fontes. Por isso destaquei logo o […]

Proibir?

Eles são três. Se você está esperando por uma história que defenda uma ideia e consiga demonstrar a sua exequibilidade, desista! Eles são três pessoas normais, quase anormais, de tão corriqueiras. O que eles falam soa, às vezes, falso, mas convence. A beleza da fotografia é permeada de sequências que são “achados”, como a parada […]

Planos

Uma das coisas que pretendo fazer quando voltar para “a terrinha” é comprar uma bandeira do Brasil. Nos feriados nacionais e nas datas “históricas”, vou hasteá-la. Quando estive nos, Estados Unidos, pela primeira vez, constatei in loco o que já havia visto nos filmes: o “nacionalismo” ianque que faz com que praticamente a maioria da […]

*V*E*R*G*O*N*H*A*

A gente vive num tempo em que não se pode mais afiançar a legitimidade de quase nada. Pelo menos, não se pode fazê-lo sem uma certa dose de cautela. A questão é que, a cada dia, a dose aumenta… Ou tem que aumentar. Acabo de ler um e-mail com uma suposta crônica do Verissimo. Claro […]