Elogio da chatice

Culpa, substantivo feminino: responsabilidade por dano, mal, desastre causado a outrem; falta, delito, crime; atitude ou ausência de atitude de que resulta, por ignorância ou descuido, dano, problema ou desastre para outrem; como termo jurídico – no direito civil, falta contra o dever jurídico, cometida por ação ou omissão e proveniente de inadvertência ou descaso; […]

Aurea mediocritas

Neste exato momento, alguém morreu e mais gente nasceu. Há quem esteja indo dormir e outra gente que está despertando, com um novo dia, chuvoso, ensolarado ou coberto de neve. Há quem esteja fazendo sexo, numa noite de aventura, ou aquele, mais protocolar, quase rotineiro dos pares que já se estabilizaram. Há alguém namorando, alguém […]

Palavras

A língua, qualquer que seja sua “nacionalidade” faz de tudo e mais um pouco para dar expressão a ideias, sentimentos, experiências, fatos, coisas… Não chega a ser vão, este esforço, mas fica próximo. Em certos casos, uma língua consegue criar uma palavra que fica única no universo linguístico da humanidade. Uma palavra que olustra de […]

Inesperado

No finalzinho da redação de uma postagem, as linhas vermelhas apareceram embaixo de algumas palavras mal digitadas (Houve um tempo em que dir-se-ia “mal traçadas”, mas esse tempo parece ter passado). Fui corrigindo aqui e ali e noto, estupefato que há um “er” solto. Vou lá, aciono (o onomatopaico verbo me irrita, mais hoje que […]

O que pode uma língua

Dizem que a língua (idioma) é uma “entidade” viva. Daí se dizer que a Gramática apenas descreve seu funcionamento, mas não o determina. Além disso, a tal de língua não funciona sozinha, por si mesma, autonomamente… Ela depende do sujeito que a utiliza. Também é preciso lembrar sempre de que a língua é um código […]