Chatice

Uma coisa é você dizer que gosta. Outra coisa é dizer que não gosta. Simples, não? Nem tanto. Não é o que parece. Não é bem assim. Vou eu dizer que gosto disso e não daquilo. Antes de mais, eu preciso explicitar “isso” e “aquilo”. Depois tenho de contextualizar “isso” e “aquilo”. Em seguida justifico porque […]

Para “Tópicos de crítica” II

A postagem de hoje tenta unir o útil ao agradável. Claro está que os dois textos de Freud – “Escritores criativos e devaneios”  e “Recordar, repetir, elaborar” são o pano de fundo, sobretudo o segundo. Acima de tudo o segundo! Do outro lado, está o romance de José Luiz Passos que vocês já leram, estão […]

Para “Tópicos de crítica” I

Boa tarde! Como combinado em nosso encontro de ontem à noite, abaixo vocês têm a primeira postagem referente às quatro aulas que a mim couberam na reditribuição dos encargos da Cilza, afastada para tratmento médico e pós-doc. Como eu disse, hoje a postagem se refere aos textos de Freud, indicados previamente para leitura, sobre os […]