Outros assuntos

Faz onze anos que comecei este blogue. Dá pra acreditar? Há quem acreditar sem dar mesmo… (ops…). Onze anos. Nesta retomada (mais uma de muitas, miríades delas nesta década mais um ano de existência escrita), ando falando mito de livros e, uma ou duas vezes, “rebloguei” (ai que palavra horrorosa!) alguma coisa. Às vezes por […]

Três vezes Camões

Mário Cláudio é um escritor interessante. Dele já li alguns livros, um dos quais, soberbo: Retrato de rapaz e o não menos soberbo, As batalhas do Caia. Em ambos, a marca da escrita romanesca deste português bem humorado, de um humor fino e sofisticado, simples no falar e no tratar com o outro. O primeiro […]

Delicadeza e prazer

Duas palavras que podem levar leitor desatento a equívoco. Desliza da atenção ou da indução inconsciente que podem ser outros instrumentos desta experiência reveladora que é o equívoco. Sobretudo quando provocado por terceiros. Parece não ser bem este o caso aqui. Não sei se o número ideal para um equívoco é dois. Pode ser três. […]

Viagens “porteñas”

Há um texto de Borges “Pierre Menard, autor do Quixote”, que sempre me intrigou. De cara, põe-se uma questão relevante: a que gênero pertence este texto. Que fique claro que não sou sócio vitalício do clube que congrega aqueles que não vivem rotular um gênero num texto. As desculpas são esfarrapadas. Os resultados, tendem a […]