Tag: Pensamento

  • Retomada

    Esta é a primeira postagem de 2023. Como faço todos os anos, troco a aparência do blogue. Penso que já fiz isso no meio do ano, uma ou duas vezes. Não me lembro. Este ano vou tentar fazê-lo. De qualquer maneira, continuo, entre trancos e barrancos, escrevendo aqui desde 6 de outubro de 2009, quando […]

  • Poucas palavras

    Um pensamento a me ocupar a mente quando estava do lado de lá… “De que valem as palavras não ditas a ecoar entre as pedras, testemunhas do tempo, repositório de silêncios, a ecoar os rastros de Cronos? O caminho que leva (agora) nada a a lugar nenhum, pleno de sentidos, como que chora a ignorância […]

  • Sobre o egoísmo e seus derivados

    O texto abaixo é o capítulo 8 do Livro IX de Ética a Nicômano, de Aristóteles. Peguei o texto na internete, digitando o título na barra de busca. O Dr. Google foi generoso. Penso que é muito pertinente o que ele fala, pra variar um pouco… Boa leitura! Também se discute a questão de se um […]

  • De novo

    Uma vez mais, faço a mesma coisa. Com vontade de escrever, mas sem a menor ideia de como desenvolver qualquer ideia, sentei-me diante do computador e comecei a escrever o que me vinha à cabeça. Sem retoque, sem revisão, sem releitura. Saiu isso: O olhar enviesado do ciclista não acode para o perigo que o […]

  • Sofisma

    Está lá, no parágrafo único, do artigo 1º, do título 1, da constituição federal, a constituição cidadã: “Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição.” O verbo emanar apresenta, no Houaiss, duas acepções como verbo transitivo indireto: vir de, ter origem em; espalhar-se […]

  • Delírios

    Deve haver na Filosofia, na Psicologia, na Química ou na Biologia, juntas ou isoladas, em dupla, trios ou quarteto, um capítulo que se explique a crença de que a solidão é trágica em sua essência. Esse axioma leva à constatação de que solidão é algo ruim, mal, a ser combatido, evitado, superado. Tenho cá minhas […]

  • Pensando…

    O texto reproduz toda a nossa e nossos políticos contemporâneos! LEIA por favor.Finalmente um pouco de lucidez na esquerda. De onde surgiu o Bolsonaro? (por Gustavo Bertoche – Dr. em Filosofia ) Desculpem os amigos, mas não é de um “machismo”, de uma “homofobia” ou de um “racismo” do brasileiro. A imensa maioria dos eleitores […]

  • O dicionário e suas veredas

    Sobre o que vou escrever hoje? Não sei. Definitivamente, não sei. Se sei, a preguiça apagou qualquer ligação com a memória de um devir que, simultaneamente interessa muito e não faz qualquer falta. Qual não seria a solução desse enigma senão continuar sendo um enigma, ou apenas mais um sofisma? Palavra interessante esta: sofisma. No […]

  • Fim de tarde

    Poema de ocasião   Denegando Carlos, com o espírito de Álvaro Silenciosamente, a água vai ficando lisa, em superfície Espelho mudo que reflete o chumbo refinado céu de chuva apenas anunciada Da memória chegam, então, com o vento um tanto frio, as imagens de Coimbra O correr lento e denso do miasma fluvial que segue, […]

  • Sabedorias(s)

    Antoine Compagnon, em seu livro O demônio da teoria, opõe, em certo sentido, durante um tempo, com objetivos muito claros, o conhecimento científico e a sabedoria popular, no campo dos estudos literários – e detesto dizer isso – em crise. Da leitura de seu livro, inventei uma pequena parábola que utilizei como instrumento de defesa […]